OFluxo de caixa.

 

Instrumento de gestão financeira, que projeta para períodos futuros todas as entradas e as saídas de recursos financeiros da empresa, indicando como será o saldo de caixa para o período projetado. No caso das empresas de pequeno porte, a projeção do fluxo de caixa para um período de quatro a seis meses é tempo suficiente para a gestão do capital de giro. Ressaltamos que, quando falamos num período de quatro a seis meses, significa que, ao final de cada mês, projetam-se novamente os períodos seguintes, de modo que sempre teremos informações para um horizonte de quatro a seis meses.

Escritório de Contabilidade - Limeira - Serviço de contabilidade - Limeira

É difícil preparar o Fluxo de Caixa?

 

Para as empresas que têm os controles financeiros bem organizados, a preparação do fluxo de caixa é fácil. Entretanto, se a empresa ainda não tiver controles de forma organizada, é bastante provável que, nos três primeiros meses, o fluxo de caixa ainda não seja um documento confiável, porque algumas projeções ficarão ou superestimadas, ou subestimadas, alguns custos ou despesas não terão sido previstos. Se isso acontecer, não fique frustrado: primeiro é preciso organizar-se para ter dados confiáveis.

 

As seguintes informações ou estimativas para o período de tempo definido (três, quatro ou seis meses) serão necessárias para a preparação do fluxo de caixa:

 

1.1 Previsão de vendas e os respectivos prazos de recebimentos;

1.2 Previsão das compras e os respectivos prazos de pagamento aos fornecedores;

1.3 Levantamento dos valores a receber dos clientes, das vendas já realizadas;

1.4 Levantamento dos compromissos a pagar aos fornecedores e pagamento de despesas operacionais mensais;

1.5. Levantamento das disponibilidades financeiras existentes.

 

Considerando que a empresa tem as informações básicas, citadas anteriormente, então vamos preparar três planilhas para nos auxiliar nesta tarefa (se possível, utilize planilhas eletrônicas – Excel):

  • Planilha para a projeção do Fluxo de Caixa;

  • Planilhas auxiliares: uma para projeção dos recebimentos das vendas a prazo e outra para projeção de pagamentos aos fornecedores.

 

De posse dessas planilhas e admitindo que desejamos preparar um fluxo de caixa para os próximos quatro meses, vamos organizar os dados e transportá- los para as planilhas. 

 

Continue...